segunda-feira, 16 de janeiro de 2012

Filme: You're My Pet


Sinopse: Uma mulher com uma carreira profissional estabilizada, mas sem muita sorte na vida sentimental, decide adotar um cara como seu cachorro de estimação.

Foi um dos filmes que eu esperei loucamente e sofri horrores quando saiu aquela nota falando sobre a possibilidade de nem sair. E, quando vi que um fansub havia traduzido, corri para baixar, nem quis saber se era três da manhã...


Motivo maior para a minha espera e expectativa completa nesse filme: Jang Geun Suk. A minha decepção com o filme - que não vem ao caso agora - não teve nada a ver com ele porque, mais uma vez, passo por cima das opiniões alheias e digo: ele é o melhor ator na minha lista! Mal aí quem acha que não e eu disse na MINHA lista, então... gostei dele no papel de Momo - amei esse nome, será o nome do meu próximo cachorro eu falo sério quando digo isso - porque diferenciou um pouco, saiu daquele padrão de papéis que ele tem no currículo. Achei que ficou ótimo no papel de cachorro-humano, dá até vontade de adotar um humano como cachorro! Aí, depois de um tempo, você desiste da ideia.


Já não faço os mesmo elogios a protagonista, a mestra, proprietária do Momo. No começo, ela parece determinada, forte, daquelas que manda e desmanda e, mais a frente, vira no que é aquilo! Aquelas mocinhas confusas e indefesas que dão ânsia de vômito mentira! e isso me tirou muito do sério, pois li muito sobre o dorama Kimi Wa Petto, vi várias opiniões sobre a protagonista e ela não supriu nenhuma das minhas expectativas para com a personagem. Não estou desmerecendo o trabalho dela como atriz, mas acho que ela não foi uma boa escolha para dar vida a Eun Yi.


Outro que deixou muito a desejar como terceiro membro do triângulo amoroso foi esse cara aí. Não é por nada, porém eu acho que o papel dele deveria causar um pouco mais de impacto na história, sabe? Woo Sung não fez muita coisa que fizesse com que as pessoas que assistem lembrassem da existência dele no filme. Eu notei tanto a presença dele que, só pra vocês terem uma ideia, não faz nem um mês que assisti o filme e tive que procurar o nome do personagem na internet, pois não lembrava o nome do bichinho! Mais um motivo para não ter gostado dessa pessoa no filme foi o fato de ele ter desistido na hora que descobriu que o Momo era um cara e não um cachorro. Cara, você não gosta daquela mulher? Ela não é tua mulher? Então, por que raios desistiu dela ao saber que o cachorro dela era um cara? Tipo assim, se ela diz que é o cachorro dela, é porque não tem muita consideração pelo pobre coitado, certo? Pelo menos é o que eu acho...


Ao contrário do que todo mundo pensa - até do que eu pensei! -, nota-se que a coisa mais focada no filme é que o foco não é uma mulher e seu cachorro de estimação que, na verdade, é um homem ou o romance meloso, chato e fofo e, sim, uma boa comédia descarada e pastelona, que todo mundo já está acostumado. Romance? Quase não tem. Beijo? Praticamente não tem, porque aquele mexer de bocas dormentes com troca de saliva no final do filme não pode ser considerado um beijo! Triângulo amoroso? Senti falta do terceiro elemento para que a forma geométrica acontecesse. Comédia? Quem aposta nessa antes de assistir,só tenho uma coisa a dizer: Se joga, meu filho!

Isso aqui:
                                                                    Acaba nisso aqui:

Cenas engraçadas, como quando o Momo decide tirar a Eun Yi para dançar e machuca as costas da mesma, quase fazem você esquecer o quanto esse filme é tão... estranhamente falho! E sem falar que ver Jang Geun Suk dando uma de Valesca Popozuda por um segundo no corredor e dançando sozinho faz você ficar totalmente em choque e perder a cena seguinte!

Claro que no final a determinada-confusa da Eun Yi e o dançarino-cachorro do Kang In Ho/Momo acabaram juntos, como manda o figurino. E, logicamente, lá nos créditos, apareceu ele fazendo-a de cachorro #trágico...
Aí você me pergunta: "Mas Mayara, você gostou ou não?", e eu respondo: Em partes, sim, em partes, não. Mais pra não do que pra sim! Motivos do sim: Jang Geun Suk, comédia pastelão, sem muitas intervenções dos personagens de apoio, enredo bom. Motivos do não: principal com características confusas e não muito definidas, falta de presença do terceiro no triângulo amoroso, falta de foco na parte romântica do filme, momentos pastelões exagerados para desviar a atenção do péssimo decorrer da história, um "como e quando acontece" muito perdido, o que faz você se perder e nem saber quando ou como aquilo aconteceu. Um bom exemplo desse último motivo, é quando o Momo deixa de ser Momo e vai embora. Você não sabe se ele e a Eun Yi estavam de bem ou de mal, como e quando ele foi embora...
Pra terminar, se você não tem um bom motivo para assistir esse filme, como eu tinha, ou não achou o enredo realmente interessante, não assista, você vai achar uma bela porcaria!

Mensagem Subliminar:

Agora você sabe porquê acha o seu cachorro tão sem graça?

3 comentários:

  1. Eu acho que quando criamos expectativas demais em relação à alguma coisa nós simplesmente nos decepcionamos depois, seja o que for. E até se for bom, nós não achamos que é tanto assim.
    rs
    Gostei da sua análise, e confesso que fiquei com vontade de ver como ele interpreta um cachorro!
    ahuehaeu
    bj

    ResponderExcluir
  2. Ah e eu sou a migraziele. rs

    Tudo Asfixia! hahah

    ResponderExcluir
  3. Oi, Graziele. AHÁ, Tudo Asfixia, hein? hahahahaha
    Eu, sinceramente, não gostei muito, mas é um filme que eu assistiria mais vezes, porque ele é pastelão do jeito que eu gosto, mas, fora isso, não gostei. Ainda assim, é um filme que eu indico, porque cada pessoa tem uma visão diferente, ou seja, cada pessoa vai ver uma coisa diferente nesse filme, né? Então, assista, porque mesmo que você não goste, vai dar boas risadas.

    ResponderExcluir