domingo, 1 de janeiro de 2012

Dorama: Heartstrings/You've Fallen For Me


Sinopse: Uma estudante universitária de Música Tradicional se vê completamente apaixonada pelo garoto mais popular e insensível da faculdade e pelo admirável novo mundo dos musicais.

Parece que resolveram dar uma chance para a Mi Nyeo se redimir com o Shin Woo! Não, vou parar com essas gozações fora de hora, sério.
Lee Gyu ou Kyu, como preferir Won é mais uma daquelas meninas boazinhas, que mora com o avô chato, velho e rabugento. Ela é meio trouxa, como a Mi Nyeo, mas é um pouquinho melhor por não ser tão inocente. Ela é meio estressadinha, determinada e, digamos, meio forte, porque pra aguentar o avô chato, Lee Shin arrogante e aquela amiga carrapato tem que ser forte.


O drama em si não é nada muito impressionante, engraçado, bonito ou qualquer coisa que encha os olhos de quem assiste. Na verdade, ele é até tedioso. Aquela indecisão do Lee Shin entre a professorinha dodói e a Gyu Won me cansou, por sorte eu não dormi.
Mais uma vez, mais um menino arrogante, insensível e com problemas familiares. Claro que dessa vez os problemas familiares são muito menores, menos focados e quase chegam a ser uma tosqueira sem tamanho.
Lee Shin nem chega a ser um galã, ele tá mais pra um franguinho sem sonhos e sem grandes perspectivas de vida. O que me deixou muito frustrada, sinceramente, eu esperava mais dele.


Sobre os problemas familiares do menino, não sei se aquilo dá pra considerar bem um problema familiar. O pai dele estava internado num hospital com o pé na cova. Pelo que eu consegui captar da ideia, o pai tinha virado professor de violão dele, mesmo ele já sabendo tocar, então, não sei qual foi o real objetivo disso. Outra coisa que eu não consegui entender, achei que ficou muito confuso foi o fato de ele saber ou não que o carinha era pai dele. E aí, produção? Ele sabia ou não?


Como já é de costume em dramas do gênero, não é só a vilã que acaba com o romance do mocinho e da mocinha, sempre tem mais uma cambada que se diz do bem, e, mesmo sendo do bem, acaba com tudo. Uma dessas pessoas era o senhor Diretor-do-Musical-do-Centésimo-Aniversário. Por mais que as intenções dele fossem as melhores com a protagonista, ainda assim, ele conseguia meter aquele ciúme mal expressado do Lee Shin, cenicamente falando. Gente, muitas vezes, sem intenção alguma, o Diretor parecia que estava dando em cima da Gyu Won. Como pode?


Essa criatura magrela, azeda e sem noção era, eu repito, ERA pra ser a vilã do bagulho. E, mais uma vez, a vilã falhou. Cara, aquela mãe dela metendo as plásticas dela onde não era chamada foi o cúmulo, me irritei profundamente com isso. Pra ter noção de como ela era uma péssima vilã: A MÃE DELA FICAVA SE METENDO! Foi a gota d'água isso.


Joon Hee. As pessoas deviam agradecer esse menino por ter salvo Han Hee Joo, sério! O menino era completamente louco por ela e até a apelidou de Natasha... quando todo mundo pensava que estava tudo perdido para Joon Hee, ele mostrou que não é só homem que se conquista pelo estômago, não. Mulher também. Como a menina tinha distúrbios alimentares, vivia passando fome, um mal o qual Yeo Joon Hee nunca iria morrer, já que passou o dorama todo comendo. Ele fez um monte de comidas gostosas e nada calóricas para sua Natasha e, assim, ela passou a se alimentar. Cadê um menino desses pra cozinhar pra mim, hein?


Não se engane com a carinha mais fofa, Cha Bo Woon é um pé no saco. Quando o casalzinho bonito conseguiu se acertar, Lee Shin deixou de ser tão arrogante, aceitar o que sentia por Gyu Won e esquecer a professorinha que não queria nada com ele, estava tudo bem, até eles tentarem se aproximar pra um beijo... Eis que Bo Woon aparecia e não só Lee Shin perdia a paciência, eu também perdia. Tanto que chegava até a gritar com ela! Depois de um tempo, ela percebeu que estava incomodando e a se sentir mal, só que não foi suficiente pra ela deixar de aparecer nas horas impróprias. Sacanagem, hein?


Confuso, tedioso, perdido no espaço de tempo e com um final super fail. Além de todos esses adjetivos, teve uma coisa boa: a trilha sonora. Yong Hwa e Shin Hye cantando sempre acabam me ganhando fácil, fácil. Todavia ainda não mudo a minha opinião, não foi um drama péssimo, só ruim, ideias mal colocadas, falta de criatividade, demoroso demais para os acontecimentos e sem nenhuma noção de tempo. Entre outras coisas que não vale a pena pontuar...

Mensagem Subliminar:

Quer conquistar alguém? Diga que não quer mais ele e você ganha um selinho mal dado na frente das haters.

Nenhum comentário:

Postar um comentário